Notícias

06
Jun

A importância da avaliação oftalmológica na infância

Avaliação ocular infantil

 

Os primeiros anos de vida são os mais importantes no desenvolvimento do sistema ocular. Durante os 6-7 anos iniciais, mas prolongando-se até aproximadamente os 10 anos, o sistema nervoso central deve receber a melhor informação visual possível para que os neurônios relacionados à visão sejam desenvolvidos. Caso a criança não tenha tal oportunidade, o processo de ambliopia se estabelece, ou seja, um ou os dois olhos serão condenados a não apresentar boa acuidade visual pelo resto da vida deste indivíduo.

Sendo assim, os pais precisam ter todo cuidado com a criança nesta fase em relação à saúde ocular. Logo ao nascimento, a criança deve ser submetida ao teste do olhinho já na maternidade para se excluir causas que levam a baixa de visão severa como tumores, catarata congenital entre outras doenças.

Além dos erros refracionais (miopia, astigmatismo e hipermetropia), o exame com o oftalmologista avalia a presença de ambliopia (olho fraco), estrabismos, catarata, malformações congênitas e tumores, como o retinoblastoma. Mais que prevenir a cegueira, essa avaliação precoce também pode salvar uma vida.

Se houver indicação de óculos, eles devem ser adequados à faixa etária da criança, com armações confortáveis, lentes resistentes à quebra e riscos. As crianças que necessitam da correção óptica precisam ser avaliadas periodicamente a cada 6 meses e as lentes trocadas por alteração do grau e do crescimento da face.

Estrabismo;

Um problema relativamente comum na infância, o estrabismo, necessita ser investigado logo ao seu início, pois pode levar à ambliopia ou mesmo à cegueira legal (quando uma pessoa tem visão menor que 0,1 ou 20/200 no olho com melhor acuidade). Por conta do estrabismo, o cérebro infantil não se desenvolve corretamente (córtex visual) devido às imagens remetidas pelo olho estrábico serem bloqueadas.

Existem vários tipos de estrabismos e somente o médico poderá prescrever o tratamento adequado. Na presença da ambliopia, o uso de oclusores deverá ser orientado para garantir o desenvolvimento visual do olho mais fraco. Não é tarefa fácil para a criança, nem para os pais, que precisam ser devidamente alertados sobre a importância do tratamento.

A conscientização dos pais e pediatras é a melhor forma de prevenir a baixa de visão irreversível no adulto. Muitos pacientes chegam ao nosso consultório tardiamente e nada pode ser feito para recuperar o tempo perdido na sua formação visual.

leitura-infantil-768x512

Quase 20% das crianças em idade escolar têm problemas de visão.

Por isso, traga seus filhos para realizar a avaliação oftalmológica, tão importante para detectar doenças que podem prejudicar o desempenho escolar e a vida social. Pelo menos 70% das causas de cegueira infantil poderiam ser evitadas ou possuem tratamento efetivo.

 

Você tem dúvidas?

Acesse a área de atendimento do site, teremos o maior prazer em atendê-lo.

ou Ligue para (038) 99932.4535